Em outubro de 2013, inspirado pela Campanha Outubro Rosa daquele ano, psicólogos e psicólogas de Uberlândia (MG) tiveram uma ideia:
“virada de ano é um período em que as pessoas entram em um movimento espontâneo de avaliação das suas próprias vidas e, Janeiro, o primeiro mês do ano, é um mês terapêutico por natureza – vamos, então, aproveitá-lo e instigar as pessoas a pensarem sobre Saúde Mental, sentidos de vida, propósitos existenciais, qualidade de relacionamentos, equilíbrio emocional e se são, ou não, verdadeiramente felizes”.
A ideia era aproveitar a posição estratégica, assim como o perfil introspectivo do mês de Janeiro, e chamar a atenção das pessoas (e autoridades públicas) para essas questões de ordem psicológica-existencial, incentivando-as a tomarem o início do ano como um ponto de partida privilegiado para pensarem sobre as suas condições psicológicas e investirem em mais Saúde Mental em suas vidas ao longo de todo o tempo.
Assim nasceu a Campanha Janeiro Branco – uma campanha totalmente dedicada à conscientização e à prevenção em relação à Saúde Mental, uma campanha concebida por psicólogos(as) e realizada por psicólogos(as) e estudantes em parceria com todos os demais profissionais do universo da Saúde.

 

E o que foi realizado?
Nas três primeiras edições da campanha (Janeiro de 2014, Janeiro de 2015 e Janeiro de 2016), psicólogos(as) e estudantes de Uberlândia e, posteriormente, psicólogos(as) e estudantes de várias cidades do Brasil que tomaram conhecimento da campanha pela internet, realizaram centenas de mini-palestras, rodas de conversas, dinâmicas de grupo e intervenções urbanas em nome da Saúde Mental em espaços públicos e privados das cidades em que o Janeiro Branco foi realizado.
Foram realizadas palestras-relâmpago em salas de espera de hospitais, salas de espera de escolas, restaurantes populares, pontos de ônibus, terminais de ônibus, organizações empresariais, anfiteatros, universidades públicas e privadas, shopping centers, igrejas, centros espíritas, praças públicas, rodoviárias, filas de casas lotéricas e filas de bancos, por exemplo.

Palestra-relâmpago do Janeiro Branco em sala de espera de um hospital em Uberlândia(MG) em 2014
Palestra-relâmpago do Janeiro Branco em sala de espera de um hospital em Uberlândia(MG) em 2014

Além disso, centenas de postagens na internet e dezenas de entrevistas a televisões, rádios e jornais impressos foram efetivadas ao longo das edições da Campanha – tudo em nome da promoção de mais Saúde Mental nas vidas das pessoas e da VALORIZAÇÃO dessa temática no cotidiano das sociedades.

A importância do Janeiro Branco
Em uma época em que as taxas de suicídio, depressão e ansiedade têm crescido de forma exponencial em todo o mundo – segundo dados dos Ministérios da Saúde de todos os países do planeta e da Organização Mundial de Saúde (OMS) -,
a Campanha Janeiro Branco justifica-se como uma importante ação preventiva em relação a essas graves questões e, fundamentalmente, como uma necessária campanha voltada à promoção de mais Saúde Mental nas vidas das pessoas e à democratização, em meio à humanidade, dos conhecimentos relacionados a esse objetivo.
E quais seriam os objetivos da Campanha Janeiro Branco?
Os 5 principais objetivos da Campanha Janeiro Branco são:
1) Fazer do mês de Janeiro o marco temporal estratégico para que todas as pessoas e instituições sociais do mundo reflitam, debatam, conheçam, planejem e efetivem ações em prol da Saúde Mental e do combate ao adoecimento emocional dos indivíduos e das próprias instituições;
2) Chamar a atenção de todo o mundo para os temas da Saúde Mental e da Saúde Emocional nas vidas das pessoas;
3) Aproveitar a simbologia do início de todo ano para incentivar as pessoas a pensarem a respeito das suas vidas, dos seus relacionamentos e do que andam fazendo para investirem e garantirem Saúde Mental e Saúde Emocional em suas vidas e nas vidas de todos ao seu redor;
4) Chamar a atenção das mídias e das instituições sociais, públicas e privadas, para a importância da promoção da Saúde Mental e do combate ao adoecimento emocional dos indivíduos;
5) Contribuir, decisivamente, para a construção, o fortalecimento e a disseminação de uma “cultura da Saúde Mental” que favoreça, estimule e garanta a efetiva elaboração de políticas públicas em benefício da Saúde Mental dos indivíduos e das instituições.

A Campanha Janeiro Branco foi às ruas e praças para falar sobre Saúde Mental com todas as pessoas

Como o Janeiro Branco pode ajudar as pessoas?
1) Colocando os temas da Saúde Mental e da Saúde Emocional em máxima evidência na sociedade.
2) Construindo, fortalecendo e disseminando uma “cultura da Saúde Mental” na humanidade.
3) Contribuindo para a valorização da subjetividade humana e o combate ao adoecimento emocional das pessoas.
4) Contribuindo para o desenvolvimento e a disseminação do conceito de ‘psicoeducação’ entre as pessoas e as instituições sociais.
5) Contribuindo para o desenvolvimento e a valorização de políticas públicas relativas aos universos da Saúde Mental em todo o mundo.

Palestra-relâmpago do Janeiro Branco em sala de espera de um hospital em Uberlândia(MG), em 2016
Palestra-relâmpago do Janeiro Branco em sala de espera de um hospital em Uberlândia(MG), em 2016

A campanha daquela que é a mãe de toda forma de saúde: a Saúde Mental

Dessa forma, a Campanha Janeiro Branco propõe-se a fazer do mês de Janeiro um mês dedicado às reflexões, às orientações e ao planejamento de ações estratégicas em prol da Saúde Mental nas vidas de todas as pessoas e em todos os ambientes em que elas estejam – e, em especial, daquelas pessoas que nunca tiveram a oportunidade de entrar em contato com essas reflexões, orientações e ações.
Se você quer saber mais sobre a Campanha e nos ajudar a torná-la a maior campanha do mundo em nome da Saúde Mental e da Saúde Emocional da humanidade, compartilhe os nossos textos, os nossos vídeos e os nossos links.
Ajude-nos a mostrar ao mundo inteiro que cuidar da mente é cuidar da vida e que, aonde há Saúde Mental, há paz, autoconhecimento e muita harmonia nos relacionamentos entre as pessoas.



Janeiro Branco

O Projeto Janeiro Branco faz do mês de Janeiro um marco temporal estratégico para que todas as pessoas reflitam, debatam e planejem ações em prol da Saúde Mental e da Felicidade em suas vidas. Participe e ajude a divulgar nossa ideia!